Doenças transmitidas por Pombos!

Doenças transmitidas por Pombos

O pombo comum também conhecido como pombo doméstico ou como pombo das rochas, este animal pode ser branco, marrom ou cinzento. As diferenças entre machos e fêmeas são pouco visíveis e geralmente eles são monogâmicos, tendo em média dois filhos a cada ninhada.

Hoje em dia são considerados animais sinantrópicos. Como não existem nas grandes cidades predadores e a reprodução é rápida, a população de pombos é cada vez maior. Este é um grave problema para o homem, visto a enorme quantidade de doenças que podem ser transmitidas por eles.

Quais doenças são transmitidas por pombos?

As principais doenças transmitidas por pombos são a criptococose, a histoplasmose, a ornitose, a salmonelose, as dermatites e uma variedade de alergias. A criptococose é uma espécie de micose profunda que ataca o sistema nervoso central. A histoplasmose é caracterizada também como uma micose profunda, porém, que ataca o sistema respiratório.

A ornitose é uma enfermidade infecciosa aguda que acomete o sistema respiratório inferior e superior. Já a salmonelose é grande conhecida, sendo uma infecção no sistema digestivo. As dermatites e alergias são provenientes de resquícios de penas e dos ninhos, quando em contato com ácaros ou piolhos de pombos, por exemplo. Uma variedade de medidas pode ser tomada para evitar tais complicações. Elas devem ser executadas para manter longe os transtornos. Estas enfermidades, quando não tratadas, podem adquirir sérios contornos.

Dicas para evitar as doenças

É importante que todas as pessoas tenham consciência do perigo que estão correndo quando em contato com estas aves. A população como um todo deve ser orientada no sentido de não alimentar pombos, pois o hábito aumenta ainda mais o número de animais.

Criar uma barreira física em casa é uma boa medida, desta forma, eles ficam impedidos de entrar. Alvenaria e material resistente devem ser instalados nas aberturas por onde as aves tendem a adentrar. Existem também no comércio alguns repelentes de pombos. Estes produtos precisam ser aplicados em telhados, em beirais e em outros locais que os animais pousam. A substância os deixa longe do contato humano, prevenindo com isto a possibilidade de contaminação e de doenças.

Caso haja contato com as fezes destas aves, lave bem a região com solução desinfetante, assim como mesas ou lugares em que eles possam ter pousado. Pessoas que manipulam tais animais todos os dias necessitam manter uma excelente higiene corporal. Os pombais também devem estar sempre limpos e livres de fezes, de forma a evitar complicações.

Além das doenças outros problemas são provocados por pombos como entupimentos de calhas, danos a antenas de TV, a pinturas de carros e contaminações de terra. É preciso haver um controle da população destes animais.

http://g1.globo.com/pr/parana/bom-dia-pr/videos/v/doenca-transmitida-por-pombos-preocupa-medicos/5149540/